AmareloOuroPor Thais Decoussau

Chá de fralda dos ursinhos

Amo Mães, Chá de Bebe, Festas 26 de fevereiro de 2013

A coisa mais fofa este chá de fralda de ursinhos!!! Cubos com letras e uma mesa cheia de botões e docinhos com o personagem deixaram tudo uma graça!!

Um tema que as mães adoram não só para o chá de bebê mas para batizados também!!!

Agora, se você está se preparando para o seu chá de fralda, é porque já deve estar com quase 7 meses, não é?! À partir de agora, cada vez a ansiedade vai aumentar mais e mais!!! Pensando nisso, separei um artigo do site de Pampers (clique para ler o artigo completo) com algumas dicas em relação aos sinais do trabalho de parto:

• O colo torna-se cada vez mais fino e macio (também chamado de obliteração) e dilatado (até 10 centímetros).

• Ocorrem contrações em intervalos regulares e cada vez menores e se tornam mais longas e mais intensas.

• Dor constante na parte inferior das costas, principalmente se também houver dores semelhantes às cólicas pré-menstruais.

• Surgimento de uma pequena mancha de sangue (secreção de muco amarronzado ou avermelhado). Se sair o tampão de muco que bloqueia o colo, o trabalho de parto é iminente; ou pode demorar alguns dias. Mesmo assim, é um sinal de que tudo está caminhando.

• Rompimento da bolsa, mas só se houver contrações.

 

(imagens: hwtm.com/)

Borboletas & laços

Amo Mães, Chá de Bebe, Festas 21 de fevereiro de 2013

Eu achei a coisa mais lindaaa esta decoração com laços e borboletas! Perfeita para um chá de fralda de uma princesinha!!!!

Aliás, segundo o artigo do site de Pampers (clique), na semana 14 de gestação, os músculos faciais estão sendo treinados neste período e o seu bebê pode abrir, fechar e até sorrir para você! Algo que sua filha vai fazer muito depois de ver a festa linda que foi preparada para ela chegar, não é mesmo?!

(imagens: blog.hwtm.com/)

Chá de fralda para as amantes de Paris

Amo Mães, Chá de Bebe, Festas 15 de fevereiro de 2013

Como os pais são apaixonados por Paris, o chá de bebê teve um toque francês com macarons, amanteigados e o scrapbook com fundo de fotos da cidade.

As convidadas tiveram como atividades: fazer tiaras e elásticos de cabelo, deixar mensagens para os novos papais e escrever a data que acreditavam ser o nascimento de Marni em um calendário todo rosa!

Destaque para o bolo de fralda lindo rosa com um toque vintage!! Adorei!!!

E por falar em fralda, no site de Pampers (clique) foi escrito um artigo super interessante com dicas para o desfraldamento!

Aqui vai um resuminho que extrai de lá para vocês:

 

1. Compre um peniquinho. Muitas crianças sentem-se mais seguras sentadas próximas do chão, pois assim não têm medo de cair do vaso ou dentro dele. 

2. Deixe a criança se acostumar com o peniquinho.

3. Coloque-o em um lugar conveniente para a criança. Permita que ela tenha acesso a ele quando quiser.

4. Para começar, deixe a criança sentar no peniquinho uma vez por dia, sem tirar a roupa, criando assim uma rotina. Deixe-a livre para sair quando quiser, sem forçá-la a ficar. 

5. Quando a criança já estiver acostumada a sentar no peniquinho vestida, deixe que ela o faça sem roupa. 

6. Quando a criança evacuar na fralda, despeje as fezes no peniquinho enquanto ela observa, pois assim ela verá que é ali o seu lugar. 

7. Seja paciente e positivo. Com o tempo, a criança acabará aprendendo a usar o banheiro.

 

(imagens: blog.hwtm.com)

Chá fralda do fundo do mar

Posts 31 de janeiro de 2013

Para este chá de fralda, a ideia foi trazer elementos do mar para a decoração.

Várias mesas foram montadas com centros de mesa cheio de presentinhos para o bebê que estava chegando!

Ao invés de uma mesa de doces, uma torre de cupcake e um bolo de fralda foram montados em mesas diferentes que se misturavam às mesas dos convidados. Pode ser uma boa ideia para quem não quiser investir em uma super mesa de doces!!!

Falando em mar, água, hoje resolvi complementar o port trazendo para vocês algumas dicas de Pampers (clique) para a hora do banho!! Separei alguns trechos das dicas,. mas quem quiser ler todo o texto, basta clicar aqui.

 

“Em geral, é melhor dar o banho do recém-nascido antes de alimentá-lo, caso ele não esteja com muita fome. Se o banho for dado logo depois da alimentação, o bebê poderá regurgitar. Para bebês um pouco maiores, um banho antes de dormir é a melhor opção, pois além de limpar, o banho também acalma. Que tal criar essa rotina na hora de dormir? Um banho, uma história e, em seguida, cama. Mas não faça dessa rotina uma obrigação; use o bom senso e só dê o banho caso seja necessário.

Antes de cair o coto umbilical do bebê (dez dias a três semanas após o nascimento), é melhor usar uma esponja macia de banho para evitar que o coto seja molhado. Veja como:

- coloque o bebê sobre uma superfície macia e plana (em cima de uma toalha limpa, por exemplo); prepare antes um recipiente com água morna e uma esponja ou um pano macio;

- mantendo o bebê coberto e aquecido, limpe um membro de cada vez, delicadamente;

- seque essa parte do corpo, pressionando levemente a toalha sobre a pele para absorver a umidade, depois limpe outra região;

- se molhar o coto umbilical sem querer, basta secá-lo, colocando sobre ele uma toalha para absorver a umidade.

Os recém-nascidos podem não ficar muito sujos, mas acumulam sujeira nos locais menos esperados. Não esqueça de lavar:

- as dobrinhas atrás dos joelhos, do pescoço e das coxas;

- as axilas – pode haver acúmulo de felpa da roupa.

- atrás das orelhas.”

(imagens: atchmyparty.com/)

Chá de fralda Dr.Seuss

Posts 23 de janeiro de 2013

A inspiração deste chá de fralda foi o filme fofo do Dr. Seuss.. uma graça, cheio de atividades para as convidadas!

(imagens: ontobaby.com)

Dicas para mães que trabalham em casa e chá de fralda rosa & prata

Posts 22 de janeiro de 2013

A ideia da decoração deste chá de fralda foi brincar com a história do ano novo .. como se fosse uma celebração à nova vida que se inicia naquela família!

Eu achei o tema uma graça e a decoração ficou linda!!

Sem dúvida, muda muito o dia a dia da casa e a vida do casal para sempre, não é mesmo!?

Inclusive muitas mães acabam por optando por trabalhos que possibilitem trabalhar de casa, o chamado home office.

A Pampers (clique) escreveu um artigo sobre esta nova realidade com algumas dicas que achei bem interessante para mostrar para vocês:

– Coordene o cuidado do filho. Mesmo quando puder ajudar somente por algumas horas por dia, você vai ter menos estresse se não tentar ter reuniões quando o seu filho estiver vendo televisão. Filhos e colegas vão estar mais felizes quando receberem sua total atenção e você se sentirá menos estressado quando puder se focalizar.

– Estabeleça uma rotina de “ir ao trabalho”. Mesmo quando o seu escritório estiver somente alguns degraus acima, se vestir e ir a um lugar trabalhar ajuda a criar um modo de trabalho. Qualquer coisa que ajude a mudar os papéis é útil, desde uma caminhada, ou entrar em casa por uma porta diferente da do seu escritório, até preparar uma xícara de café ou chá e abrir os e-mails em um horário específico. Estas estratégias não apenas ajudam a realizar a transmissão entre pessoal e profissional, como também ajudam para que sua família saiba quando você está trabalhando.

– Faça do trabalho um espaço que seja seu. Pode ser difícil para sua família entender que você está trabalhando e que não deve ser interrompido, especialmente se o escritório for a mesa da cozinha. Ter seu próprio espaço, com uma porta ou separação que possa ser fechada, ajudará a todos para saibam quando você está trabalhando.

– Respeite tempos que sejam somente para o trabalho. Apesar de que alguns com um pouco de sorte podem combinar uma conferência telefônica, regar as plantas e lavar coisas ao mesmo tempo, este tipo de atividades múltiplas são estressantes para a maioria de nós. Cuidar de uma criança pequena pode gerar situações imprevisíveis e distrair com o som de fundo quando você estiver no telefone com o chefe ou um cliente. Separe tempo que seja só para trabalho, sem distrações, dia ou noite. Seu empregador e colegas vão gostar de ver que podem confiar em você quando for preciso. Se respeitar seu tempo de trabalho, sua família também o fará.

– Reserve um tempo para estar sozinho com seus filhos. Só porque você tem horas específicas de trabalho não significa que tenha que ignorar seus filhos durante o dia. Definir um cronograma que permita ter um descanso e almoçar com os filhos pode melhorar suas habilidades criativas e saber que eles terão tempo com você, servirá aos menininhos para que sejam pacientes quando você estiver trabalhando.

– Quando seu filho estiver doente, não trabalhe. As crianças doentes normalmente querem e precisam de muita atenção. Se não puder tirar o dia livre, se dê tempos extras de relaxamento ou tente renegociar as datas de entrega..

– Deixe o trabalho quando tiver terminado. Por mais que possa ser difícil resistir a ver os e-mails, faxes ou mensagens de voz, você vai ficar louco se não o fizer. Desligue o telefone e o computador quando for embora do escritório.

– Seja flexível e mantenha o senso de humor. A vida está cheia de mudanças e nada e previsível. Pense na vida como um jazz – manter as mudanças como acordes e o resto é improvisação. A vida não é uma panacéia, mas quando você pode rir dos momentos duros e conseguir soluções para as problemáticas do dia-a-dia, ela pode oferecer uma grande variedade de opções para as famílias trabalhadoras com crianças pequenas.

 

(imagens: karaspartyideas.com)