A dica de destino para Lua de Mel de hoje vai para a América Latina. É que com a alta do dólar, temos que ser realistas e buscar lugares lindos e maravilhosos que não apertem tanto o bolso e o inicio da vida de casada!!!! O bom é que sim, nós temos lugares lindos e românticos por aqui, que você pode curtir sua lua de mel sem dever nada a lugar nenhum!

Conversando com o pessoal da Teresa Perez (clique) a indicação foi Mendoza, que amei!! Confira!!!

Mendoza1 Mendoza2

A capital dos vinhos argentinos, Mendoza – responsável por 70% da produção nacional está localizada aos pés da majestosa Cordilheira dos Andes. A altitude moderada, a irrigação obtida pela água do degelo andino e os dias ensolarados e noites frias, contribuem para proporcionar o ambiente ideal para o cultivo de uvas. Não é à toa que a Argentina ocupa a impressionante colocação de quinto maior produtor vinícola do mundo.

Mas nem só de vinhos vive Mendoza. A charmosa cidade encanta os visitantes, que vêm de todas as partes do mundo. Fundada em 1561, a cidade apresenta uma arquitetura de traços aristocráticos europeus e tem um ritmo de vida cada vez mais cosmopolita, enquanto ainda preserva ares de cidade do interior. No centro de Mendoza, enfeitado por plazas extremamente arborizadas, mendocinos e visitantes aproveitam para saborear um café – ou uma taça de vinho, enquanto o tempo passa vagarosamente.

Mendoza também é o ponto de partida para aqueles que buscam praticar atividades ao ar livre e esportes de aventura. A 180km do Parque Provincial do Aconcagua, que abriga a mais alta montanha das Américas – e a mais alta do mundo fora dos Himalaias – a Cordilheira dos Andes é um dos elementos mais marcantes de sua paisagem e seu cotidiano.

A cidade está cercada por uma infinidade de elementos naturais deslumbrantes, combinando montanhas, rios, vales, desertos e, é claro, vinhedos. Assim, não faltam oportunidades para desfrutar de atividades ao ar livre. Com opções de prática de golf, rafting, trekking, hiking, biking, esqui, escaladas, cavalgadas e muito mais, estar em Mendoza dá a certeza de que as possibilidades são infinitas!

Para conhecer:

– Plazas: O marco da cidade de Mendoza é a belíssima Plaza Independencia. O local abriga uma tradicional feira de artesanato e eventuais apresentações musicais. Distribuídas de forma simétrica nas quadras ao redor da principal praça da cidade, estão as Plaza Italia, Plaza Chile, Plaza San Martín e Plaza España, cada qual com o seu charme.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

– Maipú e Luján de Cuyo: Estas duas cidades, localizadas na região de Mendoza, são responsáveis por 70% da produção dos vinhos argentinos, o que contribui para fazer do país o quinto maior produtor do mundo. Maipú, a oeste de Mendoza, e Luján de Cuyo, ao sul, abrigam algumas das mais exclusivas bodegas boutiques e grandes vinícolas da região, que podem ser visitadas em passeios de meio dia ou de um dia inteiro.

1. Passeios - Maipú e Luján de Cuyo

– Parque Provincial Aconcágua: Abriga o maior pico da América do Sul, aliás, o maior pico do mundo fora da Cordilheira dos Himalaias. O Aconcágua, cujo topo está a impressionantes 6.962 metros acima do nível do mar, atrai montanhistas de todo o mundo, além de trekkers e curiosos, que vêm ao parque apenas a passeio, para apreciar e beleza imponente da montanha.

1. Passeios - Parque Provincial Aconcagua

1. Passeios - Parque Provincial Aconcagua (2)

– Alta Montaña: O percurso conhecido como Excursión de Alta Montaña é um ótimo passeio de um dia inteiro. Partindo de Mendoza, segue-se pela Ruta Nacional 7, em direção à fronteira chilena. Alguns dos pontos interessantes da rota são: o vilarejo de Potrerillos, encravado em uma paisagem que mescla montanhas, vales e rios; o povoado de Uspallata, que orgulha-se de ter servido de set de filmagens das cenas de montanhas do filme Sete Anos no Tibet (1997), quando a produção não conseguiu autorização do governo chinês para filmar no país; o Cementerio del Andinista, onde estão sepultados alguns dos montanhistas que morreram na tentativa de alcançar o cume do Aconcágua, desde o início do século 20; a Puente del Inca, onde há uma interessante formação natural em arco sobre o Rio Mendoza que, dizem, foi utilizada como ponte pelos incas; o Parque Provincial Aconcagua; o povoado de Las Cuevas, onde localizava-se a antiga aduana entre Argentina e Chile; e o Cristo Redentor, uma estátua que marca a divisa entre os dois países, no alto de uma montanha de 4 mil metros, de onde a vista é de tirar o fôlego.

1. Passeios - Alta Montaña

Para se deliciar:

–  Grill Q (clique): O mais novo restaurante do Hotel Park Hyatt serve o tradicional churrasco argentino e outras especialidades nacionais no almoço e jantar.  Informações: Hotel Park Hyatt Mendoza. Calle Chile, 1124.Mendoza. Tel: 54 261 4411225.

2. Restaurantes - Grill Q

1884 Francis Mallmann (clique): O aclamado chef argentino Francis Mallman prepara pratos tradicionais com toques inovadores na cozinha do célebre restaurante 1884. O ambiente é elegante, situado na Bodega Escorihuela Gascón, construída em 1884 – daí o nome ao restaurante.  Informações: Belgrano, 1188, Godoy Cruz. Tel: 54 261 424 2698.

2. Restaurantes - 1884 Francis Mallmann 2. Restaurantes - 1884 Francis Mallmann (2)

Nadia O.F. (clique): Um dos novos favoritos da região, o restaurante dos mesmos donos da Vinícola O. Fournier serve um excelente menu degustação de seis pratos. O Nadia O.F. está localizado em uma antiga casa típica cuyana, totalmente renovada, e conta com um ambiente ao ar livre muito convidativo. Informações: Calle Italia, 6055. Chacras de Coria. Mendoza. Tel: 54 261 4961731.

2. Restaurantes - Nadia OF

Para degustar!! Afinal de contas o post não poderia deixar de sugerir as vinícolas!

– Bodega Catena Zapata: A adega que historicamente pertence à família Catena, já passou por quatro gerações. Pioneiros no estudo dos microclimas de Mendoza, os Catena trabalham há quase três décadas para elevar os seus vinhos ao mais alto nível de qualidade. Informações: Estrada Cobos s/n. Agrelo. Luján de Cuyo. Aproximadamente 30km ao sul de Mendoza. Tel: 54 261 4131100. www.catenawines.com. As visitas são feitas mediante reserva antecipada.

3. Vinícolas - Bodega Catena Zapata

Mendel (clique): A vinícola boutique de Mendel tem encantado os visitantes com sua excelente produção de vinhos artesanais. Nos vinhedos de mais de 80 anos, se destacam as variações de malbec e cabernet sauvignon.
Informações: Terrada, 1863. Mayor Drummond. Luján de Cuyo. Aproximadamente 9km ao sul de Mendoza. Tel: 54 261 5241621.  As visitas são feitas mediante reserva antecipada.

3. Vinícolas - Mendel

Familia Zuccardi (clique): A combinação da tradição com técnicas modernas é o destaque da vinícola da Familia Zuccardi. Nas degustações, almoços ou jantares gastronômicos, a estrela é o vinho preparado em solo mendocino desde 1963. O charmoso restaurante da vinícola é panorâmico e oferece uma bela vista para o vale. Informações: Ruta Provincial 33, Km7,5. Maipú. Aproximadamente 35km ao leste de Mendoza. Tel: 54 261 4410000.  As visitas são feitas mediante reserva antecipada.

3. Vinícolas - Familia Zuccardi

Para descansar:

– Park Hyatt Mendoza: No Park Hyatt Mendoza, quartos amplos, aconchegantes e contemporâneos dão as boas-vindas aos hóspedes. A localização é ideal, já que várias atividades podem ser feitas a poucos minutos do hotel, como visitas a caves, mountain biking, passeios a cavalo, e até mesmo a prática de esqui. Os três restaurantes e dois bares no interior do Hyatt apresentam os vinhos e a culinária da região, como a tradicional parrillada. Além disso, periodicamente, o hotel organiza o Masters of Food & Wine. No evento, hóspedes cozinham junto com chefs e sommeliers e, claro, disfrutam de uma experiência ímpar! O Kaua Club & Spa está pronto para oferecer os melhores tratamentos antioxidantes. Alguns deles têm como base o vinho e o óleo de oliva, agentes naturais.

4. Hotéis - Park Hyatt Mendoza (1) 4. Hotéis - Park Hyatt Mendoza (2)

Imagem14

– The Vines Resort & Spa: Envolto pela cordilheira dos Andes, um belo lago e um campo límpido, esse hotel é um refúgio tão cômodo, quanto requintado. Suas 22 vilas são espaçosas e têm como ponto forte o conforto, sempre presente. Mas se hospedar no The Vines não significa apenas descansar, mas também entrar em contato com a própria cultura argentina. Seja no restaurante Siete Fuegos, que apresenta culinária regional, seja nas atividades organizadas pelo resort, como a degustação de vinhos Malbec, o hóspede não terá dúvidas da experiência genuína de que está desfrutando. No spa, entrará em contato com as fragrâncias exclusivas de cada tratamento, especialmente formuladas para combinar com os elementos fogo, água, ar, terra e luz.

Imagem11 Imagem12

4. Hotéis - The Vines (1) 4. Hotéis - The Vines (2) 4. Hotéis - The Vines (3)

– Entre Cielos Hotel: O Entre Cielos fica na fértil região de Mendoza, aos pés da imponente cordilheira dos Andes. Exclusivo, o lugar tem somente dezesseis quartos, todos com design e arquitetura refinados, além de um um loft-mezanino posicionado em meio aos vinhedos da propriedade. Elas, aliás, são as que dão origem a um dos melhores vinhos Malbec do mundo! O bem-estar é sentido tanto no corpo, quanto na mente e na alma, principalmente daqueles que frequentam o Hamam Spa e desfrutam da experiência de um banho turco ou dos tratamento à base de vinho. Com certeza, estar no Entre Cielos, é estar no paraíso.

4. Hotéis - Entre Cielos (1) 4. Hotéis - Entre Cielos (2) 4. Hotéis - Entre Cielos (3)

Imagem7 Imagem8 Imagem9 Imagem10

– Cavas Wine Lodge: Aos pés da Cordilheira dos Andes, Mendoza é a região argentina mais prestigiada quando o assunto são os vinhos do país e perfeita para atividades ao ar livre. O Relais & Châteaux Cavas Wine Lodge está inserido entre 55 hectares de vinhedos da região de Luján de Cuyo. Com apenas 14 quartos e 3 novas villas decoradas em estilo colonial, o hotel oferece aos visitantes um ambiente romântico, com ares de exclusividade e de extremo conforto, estrategicamente localizado entre as melhores vinícolas da região. Os prazeres do vinho são inspiração do hotel, que reserva uma experiência gastronômica especial aos hóspedes, na busca da perfeita harmonização entre os vinhos mendocinos e os sabores autênticos da culinária argentina e internacional. Uma maneira bacana de conhecer Mendoza é pedalando – um roteiro de bike oferecido pelo Cavas Wine Lodge pode incluir degustações nas principais adegas do caminho.

Imagem6

4. Hotéis - Cavas Wine Lodge (1) 4. Hotéis - Cavas Wine Lodge (2)

Imagem5

(imagens: teresaperez.com.br)

assinatura_tpt (3)