Uma vez escrevi no Papo de Noiva (clique) o universo que se abre na hora de escolher o seu convite de casamento!! São muitas as opções, uma mais linda que a outra e fica dificil escolher!! As cerimonialistas Adriana e Sarah da Biscuit Eventos (clique) nos trazem algumas dicas, confira:

“A seis meses do casamento, é chegada a hora de vermos uma parte bem importante: os convites! Eles serão a primeira impressão que os convidados terão do que será seu casamento.

Na hora de fechar o seu convite, repare em algumas coisinhas importantes:

– Costumamos trabalhar com o seguinte cálculo para quantidades: pega-se o número de convidados que está na lista, divide-se por dois e acrescenta-se 20%. Assim, caso surjam nomes novos até a época da entrega, existe uma margem segura para que você não tenha que pedir convites unitários novos, que saem bem mais caros.

– A gramatura do papel do convite: quanto maior ela for, mais durinho e pesado seu convite será, e quanto mais pesado, mais elegante. O normal é trabalhar com uma gramatura a partir de 250g, podendo chegar a 500g e até 750g (são os famosos empastados).

– Sobre os tipos de impressão, hoje existem muitas opções bacanas: a impressão digital é a mais barata e rápida, mas existem outras, como por exemplo o letterpress. Esse tipo de impressão usa um rolo de tinta que marca o papel, deixando a escrita em baixo relevo e na cor desejada. Nós adoramos esse tipo de impressão, achamos mais moderno e está bem em alta. Existem ainda o relevo seco, que não envolve tinta, o silk, entre outros.

Exemplo de convite feito com a técnica de letterpress da Barnard & Westwood.

Exemplo de convite feito com a técnica de letterpress da Barnard & Westwood.

– Observe também como será o fechamento do convite: você pode optar por faixas em tecido, em renda, cintas em diversos materiais, carimbos, lacre de cera quente e muitos outros. Lembre-se ainda que você pode incluir outros itens em seu convite, como um desenho em papel de seda com a fachada da igreja ou do espaço, um forro estampado em seu envelope, usar um envelope diferente como os cortados a laser, e por aí vai.

Exemplo de convite com ilustração da Igreja da Barnard & Westwwod.

Exemplo de convite com ilustração da Igreja da Barnard & Westwwod.

convite_casamento_ilustracao_igreja

Importante: lembre-se que caso você vá caligrafar seus convites, o fechamento não pode ocupar o espaço do envelope onde irá o nome do convidado. Nesse caso, não opte por fechamento em fita com laço ou nada desse gênero, pois acaba deixando um excesso de informação que prejudica o visual do convite. Hoje em dia, para aqueles casais que não fazem tanta questão de um convite clássico, é muito comum, ao invés da caligrafia, optar pelos nomes impressos em tags. Fica lindo e moderno.

As opções são infinitas, mas o que a gente sempre costuma recomendar é que, além de ter a cara de vocês, vocês devem pensar em uma identidade visual que funcione para o resto da festa, que não destoe muito do resto em estilo e cores.

Beijos,
Dri e Sarah