Para a dica de lua de mel da semana, o pessoal da Teresa Perez (clique) nos mandou sugestões para quem pretende respirar novos ares, outra cultura e por isso, lá vamos nós para o Oriente, conhecer um pouco sobre Marrocos!

A “Terra do Sol Poente” (significado da palavra Marrocos em árabe), impressiona pela diversidade de suas paisagens, únicas e contrastantes, repletas de elementos naturais como lagos e cachoeiras, desertos e cadeias montanhosas com picos nevados. A imensidão solitária do deserto, que domina quase metade do território do país, se contrapõe ao efervescente emaranhado de ruas nas medinas, que brindam os visitantes com tesouros herdados de uma longa e fascinante história. Suas cidades possuem traços arquitetônicos comuns à cultura marroquina, como as medinas (antigas cidades árabes muradas), as mesquitas centrais, os palácios reais, os mellahs (bairros judeus) e os souks (mercados).

O Marrocos oferece aos visitantes uma experiência gastronômica única. São muitos aromas e sabores exóticos. Dentre os principais pratos está o “couscous marroquino”, feito à base de semolina, legumes e curry. Outro destaque é a torta de massa folhada recheada com nozes e coberta com açúcar e canela, chamada “pastilla”. Vale dizer que por lá se repeitam os costumes da religião muçulmana! Muitos restaurantes não servem bebidas alcoólicas, seu consumo é tolerado apenas em locais de concentração turística. Durante o período do Ramadan, os horários de funcionamento podem sofrer alterações, bem como podem ser suspensos os serviços ao ar livre e a oferta de bebidas alcoólicas.

Por isso, se você não dispensa uma boa tacinha, não deixe de consultar o período do Ramadan antes de marcar sa viagem! Cada ano cai em um dia diferente por seu cálculo ser feito pelo calendário lunar! Para quem estava pensando em 2015, o ramadam acontecerá do entre os dias 18 de junho e 17 de julho!

Para começar a falar de Marrocos, como não falar de Marrakech?!
Declarada Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco, a exótica e multicolorida Marrakech esbanja riqueza artística e cultural, e é cenário de lendas e fábulas. Sua história, que teve início no século 10, remete ao luxo e à sofisticação desde seus primórdios, abrigando magníficas residências e palácios e encantando os visitantes com seu marcante artesanato e fortes características culturais.
Encantadores de serpentes, mágicos e malabaristas alegram as ruas, dando um toque de encantamento místico e pitoresco. Além disso, largas esplanadas ladeadas por suntuosas palmeiras imperiais contribuem para tornar o cenário ainda mais surpreendente.

Marrakech

Para conhecer:
– Medina: Primeiro bairro da cidade reconhecido como Patrimônio da Humanidade pela Unesco, em 1985, a Medina de Marrakech é um mundo à parte. Abriga em seu interior diversos monumentos e atrações, com destaque para os souks, onde pode-se encontrar praticamente de tudo, como tecidos, objetos de decoração, joias, souvenirs e muito mais.

1.Passeios - Medina 1.Passeios - Medina (1)

– Djemaa el Fna (Praça Djemaa el Fna): Principal espaço de performances públicas da cidade, a praça concentra todo o tipo de artistas: de equilibristas encantadores de serpentes a videntes e muitos outros personagens. À noite, porém, a praça se transforma em um movimentado mercado, onde pode-se apreciar os mais variados exemplos da culinária local nas inúmeras tendas.
1.Passeios - Praça Djemaa el Fna
– Mesquita e Minarete Koutoubia: No coração da Medina, o Minarete, construído no início do século 12, é o ponto mais alto da região, uma vez que a lei de urbanização local proíbe que qualquer construção seja maior que uma palmeira.

1. Passeios Mesquita e Minarete Koutoubia

Para momentos à mesa:
Al Fassia (clique): Um excelente lugar para provar um autêntico tagine marroquino – cozido de carne, frango ou cordeiro com legumes, servido em um recipiente que leva o mesmo nome. As especiarias utilizadas no cozimento emanam um aroma característico. A decoração é de encher os olhos.

2. Restaurantes - Al Fassia (1) 2. Restaurantes - Al Fassia (2)

Azar (clique): O restaurante é especializado na saborosa combinação das culinárias libanesa e marroquina. O ambiente tem decoração oriental contemporânea, com lanternas, almofadas e mobília estilo retrô. O espaço do mezanino é mais intimista, ideal para jantares românticos. A música ao vivo garante um clima ainda mais aconchegante.

2.Restaurantes - Azar 2.Restaurantes - Azar (2)

Dar Yacout (clique): Em um lindo palacete dentro da Medina, este restaurante agrada tanto o paladar quanto a visão, com sua decoração romântica e bela vista da cidade. O cardápio fixo conta com saladas, carne e cuscuz preparados de maneira tradicional.

2. Restaurantes - Dar Yacout (2) 2. Restaurantes - Dar Yacout

Para se hospedar:
– Amanjena: Num cenário de belezas, com um bosque adornado por palmeiras e oliveiras, o Amanjena consegue transportar o hóspede a uma autêntica viagem cultural. A gastronomia tradicional marroquina é a estrela nos seus dois restaurantes que organizam, a pedidos, jantares íntimos com música e danças tradicionais do Marrocos.

3.Hotéis - ​Amanjena (2) 3.Hotéis - ​Amanjena (1)

– La Mamounia: Um dos maiores ícones de Marrakech, o La Mamounia integra em suas instalações o presente e o passado grandioso da cultura marroquina, numa combinação perfeita entre arte, serviços precisos e experiências sensoriais do exótico Marrocos.

3.Hotéis - ​​La Mamounia (1) 3.Hotéis - ​​La Mamounia (2)

– Royal Mansour: Construído a pedido do rei Mohammed IV para receber convidados da Família Real, o Royal Mansour exibe imponente arquitetura marroquina. Sedas, antiguidades e móveis artesanais compõem a decoração dos confortáveis riads. Estrelado pelo guia Michelin, o chef Yannick Alléno comanda os restaurantes, que servem a alta cozinha francesa, marroquina e internacional.

3.Marrakech - Hotéis - Royal Mansour (2) 3.Hotéis - Royal Mansour (1)

– Four Seasons Resort Marrakech: A fascinante cultura marroquina molda o Four Seasons Resort Marrakech. Próximo às atrações mais impressionantes da cidade como os Jardins de Menara, a praça Jemaa El-Fna e o Palais Bahia, o resort é a base perfeita para explorar Marrakech. O Le Spa oferece relaxamento para o corpo e a mente, com áreas separadas para homens e mulheres, salas privativas para casais e banhos turcos em jardim aberto. Em uma cidade conhecida por sua riqueza culinária, o hotel oferece, além dos sabores do Marrocos, o melhor da cozinha italiana.

3.Hotéis - ​Four Seasons Marrakech (1) 3.Hotéis - ​Four Seasons Marrakech (2)

No próximo post de lua de mel vamos continuar em Marrocos, mas desta vez, falaremos de Casablanca!

(imagens: teresaperez.com.br)

assinatura_tpt (3)