Fazia tempo que não contava da minha lua de mel e hoje vou seguir contando e dando as dicas do que conhecei para vocês!

Hoje vou falar só de Beaune, uma região de sonho que conhecemos e super indico para os casais que adoram uma boa comida ao lado de um excelenteeee vinho!!!

Saímos de Lyon (clique para ler o post anterior) e seguimos para a região dos vinhos de Bourgogne. Falar das vinícolas e dos vinhos é muito pessoal, cada um tem o seu paladar .. além do mais, não sou uma especialista em vinhos para poder falar com propriedade, então vou só dar minhas dicas de viagem para quem quiser conhecer a região!!!

dica_lua_de_mel_franca2

– Para os amantes de vinhos, não deixem de ir até a loja Imaginarium (clique)- vende vinhos dos produtores locais, para aqueles que muitas vezes não possuem uma rede de distribuição tão desenvolvida. Pode ser que você não conheca também os rótulos, mas vale provar e comprar .. você não vai se arrepender! Lá compramos um vinho que segundo meu marido, foi o melhor Chambolle que ele já tomou! E só achamos nessa loja .. mesmo depois que voltamos para o Brasil, procuramos na internet, em tudo o quanto é lugar e nada .. só lá!

dica_lua_de_mel_franca dica_lua_de_mel_franca1

– Visite o Chateau de Pommard (clique) – a propriedade particular, construída em 1726 e restaurada pelo seu atual dono de 2004 a 2007, é linda e as pessoas que lá trabalham, uns amores! O jardim do Chateau é um espetáculo e seu pátio possui 2 esculturas lindas e enormes de Salvador Dalí além de barris talhados que são verdadeiras obras de arte! A dica aqui é perguntar sobre os vinhos vintages, que não estão expostos na sala de degustação … algumas safras estão muito bem guardadas e vale a pena perguntar sobre elas!

dica_lua_de_mel_franca3 dica_lua_de_mel_franca4

– Um lugar lindo, que você pode almoçar, jantar ou se hospedar é a Hostellerie Le Levernois (clique). Os proprietários do hotel te recebem na porta, amam o Brasil e quando estive por lá, tinham acabado de voltar de férias de Angra dos Reis. O hotel é todo plano, construído em meio ao jardim, com uma lago de peixes que o envolve .. a coisa mais linda! O restaurante possui 1 estrela no Guia Michelin, maravilhoso, atendimento perfeito e pratos com a autentica mostarda de Dijon!

dica_lua_de_mel_franca5 dica_lua_de_mel_franca6 dica_lua_de_mel_franca7 dica_lua_de_mel_franca8 dica_lua_de_mel_franca9

– Falando de mostarda, a coisa mais linda é ver as parreiras ao lado do campos de mostarda! Segundo nos contaram, a mostarda prepara o solo e protege as parreiras, por isso que andando de carro você irá ver as plantações de parreiras ao lado de campos de flores amarelas … Os produtores de Dijon não se organizaram e por isso, qualquer pessoa que queira produzir a mostarda pode dizer que é de Dijon .. diferente dos vinhos que possuem regiões onde a região possui regras e leis para se dizer um autêntico vinho daquela região. Naquela região existe um produtor autêntico que possui a sua fábrica aberta para visitação. Você poderá degustar todos os tipos sonhados de mostarda e levar para casa uma das delicias …Vá até a Fallot (clique), criada em 1840 a mostarda de Edmond Fallot é feita de maneira artesanal até hoje. Vale dizer que os grãos hoje em dia são todos trazidos do Canada .. mas a Fallot é tão reconhecida e saborosa pois é a única no mundo que mantém a tradição de fazer de maneira artesanal, moendo os grãos nos moinhos de pedra!

dica_lua_de_mel_franca11dica_lua_de_mel_franca12

Para se hospedar .. bom, para se hospedar aí preciso contar que é um capítulo à parte!!!! Ficamos apaixonadossss pelo hotel!! Ficamos no Abbaye de la Bussière (clique). Antes de falar do hotel, a história já encanta! A igreja foi construída em 1172 e, a partir de então, muitos monges ocuparam este cantinho da Borgonha. Ao longo dos anos, foram construídas novas edificações para os monges como adega, refeitório e etc.

dica_lua_de_mel_franca16

A Abbaye de la Bussière estava no seu auge no final do século 13. Ao longo de sua existência, esta unidade monástica sofreu sucessivas destruições e reorganizações, até que foi vendido como um ativo de propriedade nacional em 1793 (excluindo a igreja que havia se tornado a igreja paroquial, em 1791). Os monges foram então forçados a deixar o local. No final do século 19, o Barão d’Oissel se comprometeu a renovar as instalações. Naquela época, ele chamou o arquiteto Charles Suisse para reconstruir os edifícios existentes em um estilo neo-gótico e também para criar novos. Em 1921, herdeira do Barão, a Marquesa de Ségur, doou a propriedade para o bispado de Dijon para fazer dela um lugar de retiro espiritual. Alguns anos mais tarde, os edifícios foram concedidas pelo bispado para a Associação dos Amigos de La Bussière, antes de ser vendido em 2005 para um casal de escoceses. Ele é de uma família nobre ´que para vocês terem uma ideia, a historia de sua família possui mais de 11 traduções no Wikipédia!

Ele nos contou que quando conheceu a propriedade, se apaixonou, largou tudo e se mudou para a França com seus filhos e esposa, para viver este sonho! E isso significa viver realmente! Quando chegamos lá, ele nos pediu desculpas por estar com mãos sujas, refazendo o jardim (imagina!!!), foi ele quem levou nossas malas para o quarto, devolveu para o carro na saída … Foi por isso que conversando ele contou a sua história e seu sonho de viver ali vendo o hotel e o restaurante cada dia mais consolidados, aos poucos tomando forma!

 

dica_lua_de_mel_franca13 dica_lua_de_mel_franca14 dica_lua_de_mel_franca15

Hoje o hotel pertence a rede Relais & Chateaux, em 2007 seu restaurante recebeu 1 estrela no guia Michelin que continua mantida e em 2008, o Abbaye de la Bussière recebeu o título de “Hideaway of the Year 2008″, uma distinção de prestígio concedido pelo jornalista norte-americano, Andrew Harper.

dica_lua_de_mel_franca21 dica_lua_de_mel_franca20 dica_lua_de_mel_franca19

O lugar é mágico, os quartos são maravilhosos e você se sente em uma viagem no tempo! O atendimento impecável, o café da manhã tem o serviço todo em prata e cristais com uma variedade incrível!

09

dica_lua_de_mel_franca22

Nós chegamos, pedimos uma garrafa de vinho, 2 taças e fomos passear pelo jardim da propriedade! Ir até o lago, brincar com os pôneis ou simplesmemte sentar e aproveitar o lugar … imperdível!!!!!!!!!!

dica_lua_de_mel_franca17 dica_lua_de_mel_franca18