AmareloOuroPor Thais Decoussau

Entrevista: Fatima Brigadeiros

Amo Casa, Amo Mães, Amo Noivas, Bate Papo 4 de junho de 2013

Tendência nas festas e casamentos, o brigadeiro também acabou se vestindo de “gala”! O nosso velho conhecido, saiu das festas caseira e hoje já figura nas festas mais tradicionais e badaladas. Misturado com os doces tradicionais, ou em uma proposta mais moderna, com ele como estrela principal, a verdade é que o brigadeiro gourmet hoje é sucesso!!!!

É por isso que preparamos uma entrevista com uma de nossas novas parceiras (clique aqui para conhecer mais em nossa lista de fornecedores, As Amarelinhas), a Fatima da Fatima Brigadeiros! A empresa surgiu em 2011, mas foi no ano passado que tudo foi profissionalizado e hoje todos podem experimentar as delicias!

Ela nos contou que sempre teve contato com este a gastronomia através dos seus pais, sempre proprietários de restaurantes e lanchonetes. Fiz vários cursos de bolos, cupcakes, tortas mas foi pelo querido brigadeiro que eu me encantei… sua versatilidade é enorme, vai desde a festinha de fundo de quintal até o casamento chique e o que mais me agrada é criar em cima dele”.

Para ela o brigadeiro pode ser caipira, pode ser infantil, chique, corporativo, sério enfim pode vestir a capa do seu evento. Outra coisa muito gostosa de ver é quando você menciona que ‘vai ter brigadeiro’ todo mundo fica feliz!

Brigadeiro vestido para o chá de panela da Fatima Brigadeiros.

1. Como é o processo de criação dos sabores dos brigadeiros?

Nosso cardápio atual conta com 41 sabores e já tenho mais uns 10, pelo menos, para serem testados. Eram 40 até 2 semanas atrás mas aí fiz um brigadeiro de Amarula, errei a mão no licor e ele não ficou com gosto de Amarula e sim com um sabor trufado… fiz de novo, troquei o Amarula por licor de chocolate e ficou um arraso! Tão bom que entrou na carta! Alguns erros podem virar deliciosos acertos! Sempre penso que tudo pode virar um brigadeiro, não ponho barreiras, e isso facilita muito o processo criativo.

 

2. Como você vê os brigadeiros nas festas mais formais como casamentos e bodas?

Acho que o espaço do brigadeiro está garantido em qualquer tipo de evento. A valorização da estética do brigadeiro torna-se essencial nesses casos. Nossos confeitos não são fixos, o cliente escolhe o que mais lhe agrada: o mesmo brigadeiro pode ter granulado de chocolate em um tipo de evento, confeitos coloridos em outro, chocolate em pó ou blossoms belgas. Quem manda é o cliente (e a ocasião também). Outra coisa muito importante nos casamentos é valorizar a apresentação em forminhas diferenciadas: hoje temos no mercado profissionais que fazem um excelente trabalho que valorizam imensamente os doces que serão servidos no evento.

Brigadeiro de Amarula e Brigadeiro de Amêndoas.

Recentemente, trabalhamos também com a forma do brigadeiro… o brigadeiro de nozes virou “brigafeu” para um casamento dias atrás. A mãe da noiva queria o camafeu e a noiva só o brigadeiro de nozes… ofereci esta opção que, além de linda, acabou com o drama familiar: brigadeiro de nozes com formato de camafeu e decorado com meia noz.

3. Quais brigadeiros você indica para casamentos e noivados?

Eu acredito que em casamentos, noivados ou bodas, o gosto do casal deve prevalecer sempre, porém, existem sabores que ficam mais sofisticados nesses eventos como os etílicos, especialmente os de licor e vinho do porto, amêndoas e nozes. Mas nada impede você de colocar um brigadeiro tradicional com um acabamento mais chique que acaba por encantar o estomago e os olhos.

Brigadeiro de Baileys e Brigadeiro Trufado.

4. Como uma noiva deve calcular a quantidade de brigadeiros em sua mesa de doces?

Isso varia muito… precisamos considerar se será um jantar ou apenas um coquetel, se serão oferecidos outros tipos de doces ou só brigadeiros, se o evento será pela manhã, a tarde ou à noite, quantos sabores foram escolhidos… mas de uma maneira bem geral podemos calcular 6 doces por convidado adulto e um máximo de 5 por crianças.

5. Os brigadeiros devem ser conservados na geladeira depois da festa? Quantos dias duram? A mesma coisa para os de colher e bisnagas?

Terminada a festa, se ainda sobrarem brigadeiros, eles devem voltar para suas caixas e irem para geladeira. Ficam bem durante a semana, exceto se o ambiente do local onde os doces ficaram expostos estava muito quente ou abafado e em quantas horas ele ficou lá nessas condições. Nesse caso, recomendo que sejam consumidos no máximo até o dia seguinte.

As bisnagas (fora da geladeira) e os brigadeiros em vidrinhos (dentro da geladeira) duram até 5 dias, senão açucaram.

6. Para festa infantis, qual é a conta e quais os sabores mais procurados?

Para festas infantis calculamos de 3 a 5 unidades por convidado. Os mais procurados são o de chocolate ao leite, branco, coco, ovomaltine, morango e creme de avelã.

Brigadeiros de chocolate branco e coco para um chá de bebê!

7. Qual a sua dica de quando ter o brigadeiro boleado, o de bisnaga ou o de colher?

O brigadeiro boleado e o de copinho podem ser oferecidos nas festas. Os vidrinhos e as bisnagas são oferecidos como lembrancinha das mais variadas ocasiões.

 

8. Vocês lançaram o brigadeiro com recheio de bolo de cenoura na Pascoa e agora lançaram novos sabores para as festas juninas, fale um pouco destes brigadeiros?

Esses brigadeiros são criados para atender a um público que quer sair um pouco do tradicional e experimentar uma coisa diferente mas que não fuja da essência da festa. Tivemos o de chocotone, rabanada e frutas cristalizadas no Natal, brigadeiro recheado com bolo de cenoura na Páscoa, o de queijadinha para as festas juninas. Nossa vontade é sempre trabalhar a versatilidade do doce.

 

Brigadeiro de Chocotone.

Brigadeiro com bolo de cenoura.

Se você ficou com água na boca, as encomendas devem ser feitas com 72 horas de antecedência para que sejam providenciados os ingredientes, organizadas as embalagens e elaborados os doces!!

 

Serviço:

Fatima Brigadeiros – clique para site oficial

E-mail para contato: contato@brigadeirosfatima.com.br – Telefone: (11) 97399-6159

 

Detalhes para a festa do seu filho

Amo Mães, Decoração, Festas

Recebi as fotos de uma festinha da Quintandoca Fotografia (clique) que fiquei encantada pelo trabalho!! Além das fotos serem lindas, a festinha ficou muito charmosa!!

Não só a decoração mas algumas ideias como as lousinhas com recadinhos e a capsula do tempo: um pote onde os convidados iriam escrever para o aniversariante, sendo que ele só abriria o pote quando completasse 18 anos! Amei esta ideia!!! Quero fazer isso para o meu filho também!!!!! (assim que tiver um ….)

Outro detalhe lindo foram os cataventos personalizados com o nome do aniversariante e o livro de assinaturas com as digitais que no video dá para ver bem como funciona! Alias esta é uma ideia que está super na moda para todo o tipo de festa!

Produção cheia de detalhes pensados, com cara de carinho!!!!! Vale muitooo copiar!!!

Meninas, não deixem de ver o video que é a coisa mais fofa!!! A cara dos pais montando a festa cheia de orgulho e os detalhes da decoração valem a pena!!!!

http://vimeo.com/66496916

 

Ficha Técnica:

Fotografia: Quitandoca Fotografia – Glau Macedo

Decoração: Lidiane Martins

Filmagem: Patchwork Filmes

Doces: Maria Amélia 

Pirulitos de chocolate: Sabor de Chocolate

Buffet: Gigaboom

Oncinhas & flores para 15 anos – parte III

Amo Mães, Debutantes, Festas

Para encerrar os posts da festa linda de 15 anos decorada pela Verde que te Quero Verde (clique) em Belo Horizonte, para vocês área dos adultos!

As mesas com flores rosas e estofados de oncinha estavam lindas! Além disso foram feitos arranjos suspensos, aproveitando o pé-direito alto que ficou maravilhoso!!!!

Diferentes tamanhos de mesa e arranjos que deixaram o salão com mais charmoso e ainda com mais movimento.

Clique aqui para ler o post da entrada e mesa de doces e aqui para a área da pista de dança e mesa de petiscos.

Ficha Técnica:

Decoração: Verde que te Quero Verde

Local: Ilustrissimo

Doces: Confiserie du Chocolat

Fotos: Gustavo Lovalho

Receita que vale ouro

Amo Casa, Servir bem

Neste friozinho, que tal uma sopinha e uma boa tacinha de vinho para acompanhar??

Se gostou da ideia, hoje a receita é de uma das minhas sopas preferidas: SOPA DE CEBOLA!!!!

Uma ótima opção de prato principal, ou se o apetite for grande, você pode servir em cumbuquinhas menores para ser só entradinha ….O legal é já servir nas cumbucas individuais, tiradas do forno para a mesa!!!! Para fazer um tipo para os sogros no domingão: convide-os para uma sopinha despretensiosa e ataque com um bom vinho e a sopa deliciosa!!!! eheheheh… Para acompanhar você pode baixar algumas músicas de Édith Piaf ou se quiser algo mais animado e atual, baixar as músicas da francesa ZAZ que mistura pop e jazz .. bem gostosinho de ouvir!

Mas voltado á nossa receita, este é um clássico da culinária francesa. Conta a história que os trabalhadores do mercado Les Halles, no centro de Paris, costumavam tomar cedo uma cumbuca com uma dose de conhaque (uau!!). Dizem que para aliviar a ressaca!!!! Parece que os francês levavam à sério a história que para curar uma ressaca, só uma boa taça, né?!

Ingredientes:

– 1 kg de cebolas grandes de casca vermelha,

– 60 g ou 1/4 de xícara de chá de manteiga + 30g ou 2 colheres de chá para as baguetes,

– 1,5 litro ou 6 xícaras de chá de caldo de carne,

– 10 ml ou 2 colheres de chá de açúcar,

– 250 ml ou 2 xícaras de chá de vinho tinto,

– 1 baguete pequena (200 – 250g),

– 90 g ou 1 xícara de chá de queijo gruyère,

– sal e pimenta do reino,

– papel manteiga.

 

Modo de preparo:

– Descasque as cebolas deixando um pouco da raiz para segurar as fatias. Corte aos meio e vá fazendo fatias finas.

– Recorte um círculo de papel manteiga que se encaixe dentro da panela, mas que seja maior que o fundo (para subir na parede da panela, sabe?). Passe manteiga no círculo de papel e reserve.

– Derreta a manteiga na panela, acrescente as cebolas e tempere com sal e pimenta do reino.

– Pressione o papel manteiga sobre as cebolas na panela com o lado amanteigado para baixo. Tampe a panela e cozinhe em fogo baixo, mexendo. As cebolas devem estar macias e isso deve durar de 20 a 30 minutos. Elas devem ir cozinhando lentamente em seu próprio líquido, sem tostar.

– Enquanto isso, para concentrar o sabor do caldo de carne, leve-o para ferver, abaixe o fogo e cozinhe por 20 – 30 minutos, até reduzir em um terço.

– Depois de cozidas, destampe a panela, retire o papel que cobre as cebolas e polvilhe açúcar. Cozinhe em fogo médio, por 10-15 minutos, mexendo de vez em quando, até que as cebolas fiquem caramelizadas e douradas. Não deixe as cebolas tostarem para que sua sopa não fique amarga!!!

– Acrescente o caldo de carne reduzido e o vinho e deixe ferver. Tampe parcialmente e deixe em fogo baixo por 30 minutos.

– Enquanto a sopa cozinha, você pode ir preparando as suas torradas! Aqueça o forno a 180 graus. Corte a baguete em 12 fatias (não use as pontas). passe a manteiga nos dois lados das torradas (se achar mais fácil você pode derreter a manteiga e pincelar nas fatias). Coloque as fatias na assadeira e leve ao forno de 7 a 12 minutos até que fiquem levemente douradas e secas.

– Vá ralando o queijo gruyere no meio tempo, usando os furos maiores do ralador, quando o pedaço ficar pequeno para ser ralado, corte-os em pequenos pedacinhos!

 

Finalizando:

– Coloque as sopas em cumbucas refratárias individuais e coloque-as sobre uma assadeira. Ponha 2 torradas dentro de cada cumbuca. Polvilhe o queijo sobre as torradas e leve para gratinar. Você vai precisar de 2 a 3 minutos para que o queijo esteja dourado.

 

Dias: se preferir servir em uma assadeira grande e fazer as pessoas se servirem, leve as torradas para gratinar com o queijo e depois coloque-as dentro da sopeira. Sua sopa deve estar marrom-escura: sinal de uma boa sopa de cebola!! E por último, não esqueça de colocar as cumbucas em um prato raso e avise seus convidados que as cumbucas estão quentes para não ter acidentes!!

(receita extraída do livro: Culinária Ilustrada passo a Passo – Publifolha – imagem: lediablogueur.blogspot.com.br)

Ursinho aviador

Amo Mães, Chá de Bebe, Festas

Dias de dica Pampers e para acompanhar um chá de bebê fofíssimo da Acuarela Papel Divertido (clique).

Semana passada falamos sobre a preparação de receber em casa o seu bebê, caso ele apressadinho nasça antes do tempo!!!!

Hoje, mais uma vez, através das publicações de Pampers (clique) puxei as dicas de como conservar o seu leite! Aqui vai o artigo!

“Se seu bebê pesa menos de 1.500 g ou tem menos de 35 semanas de gestação, é possível que você necessite extrair leite para que seja ministrado através de uma pequena sonda. Isso preserva sua energia e o incremento de peso, já que ele não necessita fazer nenhum esforço físico para obter o alimento. Em algumas circunstâncias, promove-se o contato pele a pele em virtude dos múltiplos benefícios que essa prática produz, como a regulação da temperatura corporal e o estímulo olfativo. A equipe de médicos orientará em cada situação para que ambos possam estar em contato da forma mais próxima possível.

É importante que você cuide da sua alimentação e do seu descanso. A ingestão de líquidos costuma aumentar de acordo a sua sede e preferencialmente seria necessário eliminar, ou melhor, diminuir o consumo de álcool, cafeína e bebidas estimulantes. O período de lactância, assim como a gestação, não é o momento adequado para levar adiante dietas de baixas calorias ou pobres em nutrientes. A composição e quantidade do seu leite irão se modificando conforme vão passando os dias e sempre que o estímulo seja adequado. É recomendável que durante o dia possam ser feitas extrações a cada 2 ou 3 horas e que durante a noite não permaneça mais de 5 horas sem extrair, sobretudo para evitar as congestões que possam se produzir pela acumulação do leite. Fazer uma massagem suave nos seios, acomodar-se, sentir-se tranquila e segurar uma foto do seu bebê no momento de cada extração são ações que podem estimular sua produção de leite.

O leite recém-extraído pode ser conservado na geladeira por dois dias, no congelador por duas semanas e no freezer por seis meses. Sempre é conveniente guardá-lo em embalagens fechadas para evitar que derrame ou se contamine, e colocá-las na parte superior e posterior da geladeira para que conservem melhor a temperatura.

Uma vez que tenha conseguido o desenvolvimento evolutivo ou um peso adequado, a equipe de médicos realizará a alimentação diretamente por sucção. É possível que esse momento tão esperado seja vivido com a intensidade de um novo nascimento.

O momento adequado para poder fazer com que seu bebê agarre diretamente o peito está relacionado com sua capacidade de manter a temperatura corporal e a presença do reflexo de busca e sucção. Quando isso acontecer, a adaptação consistirá em propor que ele tome diretamente do peito e paralelamente seguir com a provisão do leite materno através da sonda.”

Margaridas na decoração

Amo Noivas, Casamento, Decoração

Mais um casamento maravilhoso no Rio de Janeiro! Desta vez vou mostrar para vocês um casamento lindoooo decorado por Antonio Neves da Rocha que faz festas maravilhosas por lá!

Os noivos escolheram fazer recepção e cerimônia na Casa Santa Ignez (clique). A cerimônia na capela e a recepção no Salão jardim foram todos decorados com margaridas amarelas e brancas e o toldo cristal repleto de samambaias.

Muito lounges e flores deixaram o lugar leve e a escadaria repleta de flores um espetáculo!!! Decoração linda para o caderninho de referências!

(imagens: greiffotografia.com)