Escolhi esta decoração Angelina Bailarina para o chá de bebê por dois motivos!! Primeiro porque ficou muito fofa e delicada com muito tule e o bolo lindo!!!! Segundo porque a grande mensagem do desenho é mostrar as dificuldades da ratinha indo sempre atrás dos seus sonhos, superando os obstáculos ou dificuldades que possam aparecer!

Aí foi o gancho para eu falar dos bebês prematuros!! Para as mães e papais não se preocuparem com isso, afinal hoje em dia a  medicina nos dá uma tranquilidade em relação à chegada dos bebês antes do esperado, não é?

Como não conseguimos prever se isso pode ou não acontecer, achei legal puxar um artigo de Pampers (clique) falando no pontos para você dar atenção e na rotina clinica que devera ser mantida depois da maternidade! Não é uma dificuldade ou obstáculo a ser superado mas um cuidado a mais para que o seu sonho do seu bebê em casa ser ainda mais perfeito!!!

“A audição dos bebês prematuros normalmente é sensível. Também é possível que, no caso do aparecimento de infecções, seja notada uma maior irritabilidade nele, febre e até pus no ouvido externo. Seu médico pediatra indicará os passos a seguir se for necessário.

Em relação à visão, é frequente haver dificuldades facilmente diagnosticáveis durante a internação e que requererão controles posteriores à alta para acompanhamento e tratamentos adequados. A mais conhecida é a retinopatia do prematuro, mas ele também pode apresentar estrabismo, hipermetropia ou problemas de refração. É importante o diagnóstico precoce para se encontrar o tratamento adequado. Usualmente, chegando aos três anos de idade, já não restam sequelas.

O sistema imunológico de um bebê nascido antes do tempo é um pouco mais frágil. As vacinas serão indicadas de acordo com o critério médico, e normalmente o calendário de vacinação corresponde à sua idade de nascimento e à sequência da rotina.

O leite materno tem grande quantidade de nutrientes e anticorpos, que colaboram para a proteção imunológica do bebê.

Em nível de desenvolvimento das habilidades físicas, motoras e mentais, os exames servem para avaliar se estão de acordo com a idade do bebê. As possibilidades de se encontrar alguma discordância diminuem de maneira quase direta com o tempo de internação requerido e de acordo o número de semanas de gestação com que nasce. O controle dessas habilidades é feito durante o período de internação e deve ser repetido depois da alta, até aproximadamente os 3 anos de idade.

Se for necessário um apoio terapêutico relacionado com essas variáveis, é importante o trabalho em equipe e a continuidade das propostas em casa. Isso ajuda não somente no desenvolvimento adequado do seu bebê, como também na interação da família. Se for necessário um tratamento, é importante que o pequeno o realize com a maior naturalidade possível, em seu próprio lar, evitando visitas desnecessárias aos hospitais.

Com frequência, depois da alta da maternidade, é necessário administrar diferentes medicações. Para isso é importante manter a organização, anotando as medicação, horários e doses indicadas. Além disso, essa informação será útil para os especialistas que tenham contato com seu bebê e requeiram informações para a indicação de novos medicamentos.

A fragilidade do seu bebê prematuro é compensada com cuidados e carinhos. Seu adequado desenvolvimento não depende somente dos cuidados médicos: seu afeto e sua dedicação são fatores chave nesse processo.”

(imagens: andeverythingsweet.blogspot.com.br/)