Que tal Espanha para sua lua de mel com direito a alguns dias em Granada?

Localizada na região de Andaluzia, aos pés da Serra Nevada é a expressão da arquitetura árabe na Espanha. Em 711, os mouros cruzaram o estreitos de Gibraltar e se estabeleceram nas colinas de Alhambra, em Granada. Foi um estado muçulmano até ser conquistado pelos reis católicos, em 1492 e possui forte tradição na dança flamenca e nas touradas.

Segundo Michelle Obama: “Granada é um tesouro, e vai ficar na minha mente como um ótima lembrança!”

O hotel Hospes Palacio de los Patos (clique) situa-se no coração da cidade e sua construção faz parte do patrimônio histórico de Granada. Você poderá escolher entre 42 quartos, seja na construção do século XIX ou na prédio mais contemporâneo.

A suite presidencial, localizada na construção do século XIX, por exemplo, possui 70 metros  com sala de estar, cama king size, lençóis de algodão egípcio, DVD, CD com videoteca, tv de plasma e Wi-Fi, além da varanda exclusiva com vista para o jardim.

Caso você prefira ficar nas novas instalações, uma das suítes possui 50 metros com sala de estar e uma decoração onde as transparências prevalecem, além da sala de estar, cama king size, lençóis de algodão egípcio, DVD, CD com videoteca, tv de plasma, Wi-Fi e varanda.

O hotel possui ainda um restaurante, o Senzone que prima por usar produtos naturais e frescos.

Para relaxar, não deixe de conhecer o spa do hotel, o Bodyna com massagens, tratamentos e sauna. Além disso, a piscina térmica é coberta com telhado que é base para as fontes do jardim de vidro, criando um espaço de luz, serenidade e água em movimento.

Uma dica: Alhambra, a famosa fortaleza construída no topo de um monte a 700 metros acima do mar, em solo rico e sólido, encerra nas suas muralhas uma história de reis e sultões que marcaram uma época pelo seu espírito empreendedor e inovador. Para fazer a sua visita, compre seu bilhete com antecedência pois são muitos os turistas que de última hora não conseguiram visitá-la!

(imagens: reprodução; mrandmrssmith.com; telegraph.co.uk)